Se o olho do seu cão parecer inchado, leve-o ao veterinário imediatamente. Se você tiver sorte, é algo menor e facilmente tratado, mas sempre existe a possibilidade de o inchaço resultar de uma condição séria e do tempo ser essencial para evitar a perda da visão. O tratamento para um olho inchado depende do diagnóstico veterinário. Dependendo da causa, seu veterinário pode encaminhá-lo a um oftalmologista veterinário.

O que são olhos inchados?

Os pais de animais de estimação que ligam para a clínica veterinária com a declaração “os olhos do meu cachorro estão inchados” serão convidados a trazer o cão para uma consulta imediatamente. Os olhos inchados em cães podem ser causados ​​por uma variedade de fatores, a maioria dos quais requer uma visita imediata ao seu veterinário. 

Embora o inchaço ocular possa ser causado por alergias, picadas de insetos ou lesões nas pálpebras, é importante que o veterinário observe o seu cão em busca de sintomas adicionais para descartar certas condições. Seu cão pode precisar de tratamento tão pequeno quanto antibióticos ou tão intensivo quanto a cirurgia. Um olho inchado pode progredir em um curto período de tempo, o que pode levar à perda permanente da visão. Os motivos para essa condição dolorosa podem incluir as seguintes causas:

  • Conjuntivite 
  • Glaucoma
  • Objeto estranho

Oftalmologista veterinário em São Paulo

Em nossa clínica veterinária, possuímos equipe de profissionais médicos para atender o seu pet nas mais diversas áreas. Contamos com oftalmo veterinário para cuidar da saúde dos olhos do seu pet. Oferecemos tratamento para as doenças oftalmológicas mais comuns nos cachorros, bem como cirurgia veterinária para catarata, colírios e pomadas, e demais atendimentos.

Especialista em Oftalmologia Veterinária

Kethye Priscila Ortêncio, veterinária em Santo André
Kethye Priscila Ortêncio, veterinária em Santo André

Veterinária Kethye Priscila Ortencio (CRMV 25832) – A nossa veterinária especialista em Oftalmologia Veterinária é formada pela UNESP, teom Mestrado em Cirurgia Veterinária com ênfase em Oftalmologia. Kethye pode ajudar a saúde do seu pet. 

Entre em contato e marque uma consulta

O que causa olhos inchados em cães

O inchaço pode ser causado por algumas coisas diferentes e, em alguns casos, pode ser um sinal de uma condição subjacente. Além disso, em certas situações, o inchaço pode causar cegueira e pode até ser fatal. Algumas causas comuns para olhos inchados em cães e gatos podem incluir:

Cachorro com olhos inchados - o que pode ser e o que fazer 4
Foto de cachorro com alergia e inchasso nos olhos.

Corpo estranho no olho

Os cães podem sofrer facilmente danos à córnea devido a lacerações e úlceras e infecção nos olhos quando um objeto estranho, como grama, poeira, grão de areia ou até um arranhão no olho, causa irritação. Os sintomas acompanhantes podem ser:

  • Rega do olho
  • Vermelhidão 
  • Descarga
  • Piscando excessivo
  • Esfregando os olhos

O veterinário precisará verificar os olhos do seu cão para ver se há uma laceração ou lágrima. Isso é feito colocando um corante no olho que destacará se houver uma lesão. No caso de um simples arranhão, por exemplo, seu veterinário pode prescrever uma coleira para evitar que seu cão cause mais danos cavando os olhos.

As causas comuns de irritação e conjuntivite incluem infecções bacterianas, infecções fúngicas, infecções virais, trauma ocular, anormalidades nos olhos do seu cão, que podem causar irritações causadas por cílios, irritantes estranhos nos olhos e produtos químicos. O glaucoma pode ser herdado devido a genes, pode ser transmitido através de raças ou pode se desenvolver como resultado de uma lesão ocular anterior ou inflamação ocular.

Doenças que deixam o cachorro com o olho inchado

Além de fatores externos listados acima, existem algumas doenças em cachorros que podem provocar o inchaço nos olhos do pet de forma direta ou indireta.

Doenças que incham os olhos do cachorro

Conjuntivite canina

A conjuntivite (olho rosa) é uma condição comum que pode ser causada por irritantes externos ou infecções oculares. A conjuntivite ocorre quando há inflamação ao redor do tecido que cobre o olho. Olhos inchados em cães são um sintoma comum de conjuntivite. A conjuntivite pode afetar um olho ou ambos. Uma infecção viral ou bacteriana geralmente leva a que ambos os olhos sejam afetados e inchados. Os alérgenos podem afetar um olho ou ambos se o irritante entrar nos olhos. Alguns sinais a serem observados para determinar se é conjuntivite são:

Cachorro com conjuntivite canina

Existem diferentes tipos de conjuntivite. A conjuntivite alérgica é geralmente sazonal e não é contagiosa para outros cães. Geralmente é causada por substâncias irritantes do ambiente, como poeira ou pólen. A conjuntivite viral é causada por uma infecção viral que pode levar até um mês para se recuperar. É altamente contagioso para outros cães. A conjuntivite bacteriana é causada por uma infecção bacteriana e também é altamente contagiosa. 

Vale lembrar que existem outras causas ou tipos de conjuntivite, como olhos secos e entrópio (malformação da pálpebra, que faz as bordas rolarem para dentro). 

Glaucoma canino

Cachorro com glaucoma

O glaucoma em cachorros é uma condição médica em que a drenagem do líquido aquoso é insuficiente, e não a superprodução do fluido. Existem duas classificações de glaucoma conhecidas como glaucoma primário e glaucoma secundário. 

O glaucoma primário ocorre quando há pressão anormal em um olho saudável. Algumas raças são suscetíveis a serem expostas ao glaucoma, incluindo o Basset Hound, o Beagle e o Cocker Spaniel. Outros cães podem desenvolver condições subjacentes, como inflamação, trauma e alterações nos olhos, que levam ao acúmulo de líquidos. Se houver interrupção na drenagem normal, o líquido começa a levar ao aumento da pressão ocular. A pressão ocular pode levar à cegueira permanente se o seu cão não for levado a um veterinário de emergência para ser tratado.

O glaucoma secundário ocorre quando há pressão intra-ocular elevada devido a doença ou lesão anterior na área dos olhos. Condições como luxação da lente podem levar ao glaucoma. As raças suscetíveis à luxação das lentes (Terriers, Chinese Crested Dog, Shar-Pei) devem ser verificadas quanto a glaucoma se os olhos ficarem inchados. Uveíte e tumores também podem ser uma causa.

O glaucoma pode se manifestar de várias maneiras, como:

  • Inchaço físico
  • Abaulamento do olho
  • Descarga aquosa
  • Dor nos olhos
  • Córnea nublada
  • Cegueira

Se o glaucoma tiver sido uma condição crônica na vida do seu cão, os sintomas podem se desenvolver lentamente. No glaucoma agudo, todos os sintomas podem se manifestar ao mesmo tempo. É importante monitorar regularmente seu cão quanto a sinais de dor. 

Blefarite canina

Cachorro com blefarite nos olhos

Alguns sintomas de blefarite (inflamação das pálpebras) se assemelham aos da conjuntivite. A pálpebra do cão incha e coça, e qualquer arranhão agrava o problema. Os cães afetados geralmente apresentam secreção ocular e crostas na pálpebra.

A blefarite pode resultar de trauma, tumores, anormalidades oculares, infecção ou reação alérgica, com tratamento dependendo da causa. O tratamento a curto prazo inclui a aplicação de compressas quentes no olho várias vezes ao dia e a limpeza de qualquer secreção ocular.

Tumores oculares

foto de cachorro com tumor na órbita do olho

Os sinais iniciais de tumores oculares caninos, ou neoplasias oculares, geralmente envolvem inchaço e estrabismo, mas nenhuma dor óbvia. Infelizmente, a maioria dos tumores oculares é maligna, com um prognóstico ruim para a sobrevivência a longo prazo do cão. Seu veterinário especialista em oncologia determina o tipo de tumor usando ultra-som, tomografia computadorizada e ressonância magnética. 

Ela fará uma cirurgia para remover o tumor, o que geralmente significa tirar o olho inteiro e alguns ossos adjacentes – o que parece assustador, mas os cães geralmente se ajustam bem após essa operação. Pode ocorrer tratamento com radiação e quimioterapia.

Problemas do duto lacrimal

Cachorro com obstrução no duto lacrimal

A inflamação do canal lacrimal pode resultar em olhos inchados. O prolapso da glândula nictitans, na qual a glândula cai fora de lugar, causa uma condição coloquialmente conhecida como “olho de cereja”. A glândula fora do lugar lembra uma cereja vermelha inchada que se projeta no olho do cão.

A glândula nictitans ajuda na produção de lágrimas, então seu veterinário desejará preservá-lo em vez de removê-lo. Caso contrário, seu cão é suscetível à ceratoconjuntivite seca, ou olho seco, o que causa dor e perda de visão. A cirurgia consiste em redefinir a glândula e costurá-la de volta no lugar.

O que fazer se o seu cão estiver com os olhos inchados

Se o seu cão desenvolver olhos inchados, é fundamental que eles sejam avaliados e tratados imediatamente. O seu veterinário poderá diagnosticar a condição médica e tratar os sintomas adequadamente. É importante poder fornecer ao seu veterinário o máximo de informações possível sobre quanto tempo seu cão está com os olhos inchados. 

Aplicação de colírio em cachorro

O seu veterinário realizará um exame físico do seu cão. O seu veterinário continuará a administrar um anestésico líquido no olho para entorpecer o desconforto e procurar sinais de uma lesão ou conjuntivite. Uma mancha fluorescente pode ser usada para detectar lesões na córnea. Se um objeto estranho estiver presente sob a pálpebra, o veterinário pode removê-lo.

Se a conjuntivite é causada por alergias, seu cão pode receber anti-histamínicos prescritos para reduzir a inflamação. Se a condição for causada por uma infecção bacteriana ou viral, seu cão poderá receber antibióticos orais e colírios para reduzir os sintomas e eliminar a causa. Uma pomada antifúngica pode ser prescrita se a conjuntivite for causada por uma infecção fúngica. Se a condição for causada devido a uma anormalidade, a opção de cirurgia corretiva pode ser oferecida para eliminar o problema. 

Se o seu cão está com os olhos inchados devido ao glaucoma, o tempo pode ser essencial. É essencial reduzir a pressão dentro do olho imediatamente para reduzir o risco de cegueira. Os medicamentos que podem ser prescritos são usados ​​para ajudar a diminuir a produção de líquidos e incentivar a drenagem ocular. Esses medicamentos são usados ​​para tratar a pressão elevada no olho, para reduzir o risco de danos. Analgésicos também são prescritos para reduzir a quantidade de desconforto e dor que seu cão pode estar enfrentando. 

Em casos graves, o seu veterinário pode oferecer cirurgia se a condição do seu cão não melhorar com os medicamentos padrão. A cirurgia pode ajudar se seu cão já desenvolveu cegueira e outros métodos de tratamento não foram bem-sucedidos. A remoção do olho pode ser uma opção apresentada pelo seu veterinário para ajudar a aliviar a dor.

Como prevenir olhos inchados em cães

Para evitar ter que chamar o seu veterinário com a preocupação, “os olhos do meu cachorro estão inchados”, você pode tomar certas precauções. Os exames regulares, que incluirão um exame ocular básico, são uma parte essencial da criação dos filhos. Conjuntivite e lesões devido a objetos estranhos são frequentemente evitáveis. 

Eistem muitas coisas que podem ser feitas diante destas doenças em olho de cachorro. Você pode ajudar seu cão a reduzir o risco de contrair irritação nos olhos devido a objetos estranhos e conjuntivites, minimizando a exposição a substâncias irritantes no ar, como produtos químicos, observando seu cão enquanto brinca ao ar livre para reduzir o risco de lesões oculares e mantendo vacinas atualizadas do seu cão. 

Se os olhos inchados são causados ​​por glaucoma, pode ser que não haja muito a ser feito para evitar a doença. No entanto, você pode manter a saúde do seu cão, certificando-se de que seu acompanhante tenha visitas anuais ao veterinário e no meio, relatando quaisquer sintomas anormais que você possa observar. O diagnóstico precoce do glaucoma permitirá tratamento oportuno.