Se você vier à clínica veterinária Uau Uau Que Mia e fizer uma pergunta sobre uma mudança que notou nos olhos do seu cão, descobrirá que muitas vezes o instruiremos a procurar atendimento veterinário o mais rápido possível. Por quê? Porque não apenas os olhos são as janelas da alma, mas mudanças rápidas na aparência de um ou ambos os olhos podem ser “janelas” para processos de doenças graves.

Problemas oculares também podem se tornar significativos muito rapidamente, e é por isso que recomendamos fazer um exame oftalmológico o mais rápido possível quando algo parecer errado.

Cachorro com olho esbranquiçado causas

Os olhos têm seu próprio conjunto exótico de doenças e, muitas vezes, o diagnóstico e o tratamento excedem as capacidades e equipamentos do clínico geral. Continue lendo para saber mais sobre os problemas de saúde que podem deixar o cachorro com olho esbranquiçado.

Consulta para cachorro com olho esbranquiçado com a oftalmologia veterinária em Santo André.

Catarata em cães

Os cães podem ter catarata por vários motivos. A grande maioria das cataratas em cães são alterações normais relacionadas à idade e, às vezes, produzem cegueira completa, que geralmente se desenvolve lentamente à medida que a catarata fica mais espessa. No entanto, muitos cães mais velhos têm catarata que ainda lhes permite enxergar e geralmente se ajustam muito bem à perda de visão associada.

Simplificando, a catarata ocorre quando a lente dentro dos olhos perde a transparência, tornando-a de tal forma que a luz não pode passar, total ou parcialmente. Isso pode ser devido a trauma (ser atingido no olho com uma pedra, por exemplo), diabetes, condições hereditárias, certos medicamentos e algumas doenças infecciosas, para citar alguns. A catarata produz uma aparência leitosa aos olhos. Descobrir a causa da catarata é o primeiro passo para fazer um plano para lidar com ela.

Leia mais: respostas sobre cataratas em cachorros e também manchas brancas nos olhos são sempre catarata? Veja também os sintomas do glaucoma e catarata em cachorro. Também aprenda como saber que o cachorro tem catarata.

Esclerose lenticular em cães

Muitas pessoas vêem nebulosidade nos olhos de seus cães envelhecidos e pensam que estão vendo catarata. No entanto, muitas vezes o reflexo branco e turvo que eles veem é uma condição benigna conhecida como esclerose lenticular. Embora possa ser difícil para nós dizer se o que estamos vendo é uma catarata ou não, é relativamente fácil para um veterinário armado com um oftalmoscópio, uma ferramenta usada para examinar o olho.

Como a catarata pode ter causas e consequências potencialmente sérias, é importante verificar os olhos do seu cão se você perceber nebulosidade no centro do olho. Vale a pena notar que, embora a catarata possa e muitas vezes leve à cegueira, a esclerose lenticular não causa perda de visão apreciável.

Olho seco em cães

7 motivos para o olho do cachorro ficar turvo 5
Olhos esbranquiçados em cachorro

A ceratoconjuntivite sicca (chamada de “olho seco”, por razões óbvias) é uma condição na qual as glândulas lacrimais dos olhos (ou apenas um olho) não produzem filme lacrimal suficiente para lubrificar suficientemente o olho.

Inicialmente, o olho pode parecer vítreo e, se a doença progredir, pode resultar em ulceração da córnea, cicatrizes e cegueira. Olho seco é muito doloroso também.

Olho seco tem várias causas, e a causa primária ou desencadeante deve ser determinada, se possível, para entender como tratar e quanto tempo o tratamento deve durar. Muitos casos de olho seco envolvem uma doença autoimune subjacente e, nesses casos, os olhos do paciente devem ser tratados com medicação pelo resto da vida.

Pannus

Pannus doença
Olho esbranquiçado em cachoo com pannus.

Pannus é uma condição que é vista quase exclusivamente em pastores alemães e raças semelhantes, mas também pode ocorrer em huskies, galgos e qualquer cão de raça grande. Parece muito semelhante ao KCS, mas os cães com pannus têm produção normal de lágrimas e sem dor. As lesões cobrem a córnea e, como tal, podem obstruir a visão.

A distinção entre olho seco é bastante simples e envolve medir a produção de lágrimas com uma tira de papel que muda de cor quando fica molhada com lágrimas. Cães normais devem ser capazes de molhar pelo menos 15 milímetros de uma tira que é mantida dentro da pálpebra inferior por um minuto.

Úlceras de córnea em cães

Foto de úlcera de córnea em Bulldog Francês
Foto de úlcera de córnea em Bulldog Francês.

Uma úlcera na córnea pode ocorrer por vários motivos, incluindo trauma na córnea, fricção das pálpebras ou cílios na córnea e olho seco. As úlceras geralmente causam estrabismo, lacrimejamento e vermelhidão no olho, mas também podem causar uma coleção de líquido dentro da córnea que produz uma aparência turva.

As úlceras são muito dolorosas e precisam de atenção médica imediata. Permitida a progressão, uma úlcera de córnea provavelmente continuará a aumentar, e é até possível que o próprio globo ocular se rompa.

Glaucoma em cães

7 motivos para o olho do cachorro ficar turvo 6
Cachorro com glaucoma

O globo ocular mantém sua forma de globo porque é preenchido com uma substância espessa e gelatinosa conhecida como humor aquoso. O olho está constantemente produzindo humor aquoso e, por isso, o fluido também deve ser constantemente drenado. Se a drenagem do humor aquoso falhar, ocorre o glaucoma .

Como tantas outras doenças oculares, o glaucoma tem várias causas subjacentes e, novamente, devemos procurar a causa para determinar o tratamento e o prognóstico para o retorno à função e à visão normais.

Um olho glaucomatoso geralmente parece maior do que o normal, mas também é tipicamente vermelho e turvo. Pelo que as pessoas com glaucoma nos dizem, é terrivelmente doloroso. Quanto mais as pressões oculares elevadas persistirem, maior a probabilidade de o cão perder a visão no olho permanentemente. Glaucoma é uma emergência grave. Outros medicamentos reduzem a produção de fluidos ou promovem a drenagem de fluidos. Alguns cães podem necessitar de cirurgia.

Uveíte

7 motivos para o olho do cachorro ficar turvo 7
Cachorro com uveite

Uveíte é outra daquelas palavras estranhas que os oftalmologistas usam e que ninguém mais usa. Significa inflamação do trato uveal, que equivale aproximadamente à íris e suas estruturas associadas. A uveíte pode produzir vários sinais, incluindo vermelhidão do olho, lacrimejamento e sensibilidade à luz, mas também pode fazer com que todo o olho pareça nublado.

Como a maioria dos outros processos de doença sobre os quais falamos, a uveíte não é realmente um diagnóstico e pode ser causada por várias coisas. Muitas das doenças que causam uveíte são de natureza infecciosa, mas você pode adicionar certos tipos de câncer e doenças metabólicas como diabetes à lista. Na maioria dos casos, a uveíte sinaliza a presença de uma doença sistêmica grave, e encontrá-la significa realizar outros testes de diagnóstico, incluindo exames de sangue e possivelmente raios-x , para chegar ao fundo do que está acontecendo.