Poodles são geralmente considerados uma raça muito resistente, com poucos problemas de saúde. Sua expectativa de vida varia de 10 a 18 anos. Através da longa história de criação genética de um cão calmo, compassivo e inteligente, a maioria dos Poodles leva uma vida longa e perfeitamente saudável.

Poodles não só têm penteados fabulosos, mas também se destacam em atividades de agilidade para cães e esportes. Os caniches padrão, em miniatura e os de brinquedo são sempre os favoritos nas exposições de cães e costumam ter uma boa colocação no julgamento.

Uma lista oficial classifica os Poodles como a segunda raça de cães mais inteligente (o que eles sabem, no que nos diz respeito, os Poodles são o número 1). Não nos interpretem mal, border collies são espertos e fofos fazendo truques, mas é difícil derrotar a inteligência de um poodle quando você vive com um. Qualquer poodle concordará que os poodles são fáceis de treinar usando as técnicas usuais de repetição, paciência e recompensas. Quando feito corretamente, quase não há limites para o que os poodles podem aprender. Poodles gostam de aprender novos truques e são ótimos com pessoas e outros animais de estimação. Saiba 10 curiosidades sobre o poddle.

Com todas essas qualidades, não é de se admirar que tantas famílias tenham Poodles. Se você está pensando em adicionar um Poodle à sua vida ou se já tem um, é importante estar ciente dos problemas de saúde que um Poodle pode encontrar. Como qualquer cão, existem riscos potenciais à saúde. Conhecer os cinco problemas de saúde mais comuns do Poodle Padrão o ajudará a estar adequadamente preparado caso surja algum problema. Neste artigo não citamos questões oftalmológicas, veja aqui os problemas nos olhos mais comuns em poodle.

5 problemas de saúde mais comuns em poodle 1

1. Inchaço em Poodle

O inchaço ocorre quando o gás fica preso dentro do estômago de um cão. O estômago gira até 180 graus, interrompendo o fluxo da digestão e fazendo com que o gás acumule pressão. É uma doença incrivelmente dolorosa com uma taxa de mortalidade de 20%, mesmo com intervenção cirúrgica. Raças de peito largo, como o Poodle padrão ou o Dogue Alemão, são especialmente propensas a sofrer de inchaço. Cachorro com barriga inchada tratamento.

Outro nome para inchaço é dilatação gástrica e volvo, ou GDV. A dilatação gástrica é o aumento da pressão e expansão do estômago. Volvulus é o movimento de torção que normalmente se segue. O GDV é um dos problemas de saúde mais graves dos caniches devido à rapidez com que surge e à dificuldade de intervenção.

Veterinária em Santo André, SP

Médica veterinária em Santo André, SP

Se a avaliação veterinária do seu cachorro não está em dia ou você tem dúvida sobre a saúde do seu cachorro já que ele parece muito ofegante, fale conosco! Trabalhamos com especialistas em Endocrinologia, Dermatologia, Oftalmologia, Ortopedia, Oncologia veterinária. Atendemos todas as cidades da região metropolitana de São Paulo, nosso horário é das 8h às 20h de seg. a sex. e das 9h às 14h aos sábados!

Fale conosco para marcar uma consulta

Sintomas de inchaço

Quando os Poodles estão inchados, os proprietários precisam reagir rapidamente. Essa condição se tornará fatal em algumas horas se o gás não passar naturalmente. E se a torção atingir a marca de 180 graus, a intervenção cirúrgica provavelmente não salvará o cão.

Saber os sintomas de antemão pode ajudar a identificar esse problema antes que seja tarde demais. Esses sintomas incluem:

  • Aflição repentina
  • Movimentos de vômito que não produzem nada
  • Estômago expandido e firme (como um balão duro e apertado)
  • Andando e ofegando
  • Excesso de babar
  • Inquietação

Se seu Poodle estiver agindo de forma irregular e tiver estômago dilatado, saiba que você tem minutos para responder. Chegar ao veterinário a tempo para uma intervenção cirúrgica é uma das únicas maneiras de aliviar a pressão e salvar sua vida.

5 problemas de saúde mais comuns em poodle 2

Dicas para prevenção

Em teoria, o gás preso dentro do trato digestivo vem da ingestão de ar durante a alimentação e do processo de decomposição dos alimentos. Se alguma dessas fontes fizer com que o ar fique preso, ocorrerá um inchaço.

  • Gastropexia ( Stomach Tack) – A gastropexia é um procedimento laparoscópico proativo que fixa permanentemente o estômago do cão à parede abdominal. Isso evita que o estômago “torça” e cause um GDV (Dilatação Gástica e Volvulus).
  • Limite de corrida após as refeições – É uma boa ideia limitar a corrida excessiva imediatamente após comer. A teoria é que um estômago cheio de comida não digerida pode se torcer mais facilmente se o seu cão estiver correndo em alta velocidade. Portanto, a melhor prática é desencorajar qualquer atividade de alta energia por 30-45 minutos após comer.
  • Refeições menores ao longo do dia – tente oferecer ao filhote refeições menores ao longo do dia, em vez de uma ou duas refeições grandes. Embora isso possa fazer com que defecam várias vezes ao dia, isso é melhor do que lidar com o inchaço. Ao quebrar as refeições, menos ar pode ser ingerido, reduzindo o risco.
  • Deixando a tigela de comida no chão – Alguns donos de animais sugerem que você levante a tigela de comida de seu cão para facilitar o fluxo da digestão e reduzir a quantidade de ar que entra. Essa recomendação, entretanto, nunca provou funcionar. Na verdade, um estudo descobriu que o oposto pode ser verdade .

2. Doença de Addison

Um problema de saúde menos mortal, mas igualmente comum para Poodles, é a doença de Addison. A doença de Addison é denotada por glândulas supra-renais defeituosas. Poodles normalmente têm um temperamento relaxado por natureza, mas quando suas glândulas supra-renais não podem produzir níveis normais de cortisol, esse comportamento extremamente calmo pode ser um sinal de Addison.

A causa subjacente da doença de Addison em Poodles é difícil de definir. Isso se deve principalmente ao número de maneiras pelas quais as glândulas supra-renais podem ser afetadas. O sistema imunológico do seu cão pode repentinamente começar a atacar suas próprias glândulas supra-renais, ou tumores podem se formar na glândula ou ao redor dela. Certos medicamentos e o uso de esteróides por longo prazo também são conhecidos por causar danos extensos às glândulas supra-renais.

Sintomas de Addison

Confirmar o diagnóstico correto o mais rápido possível pode permitir que seu cão retorne à rotina normal. Os sintomas geralmente começam por volta dos quatro anos de idade e podem se desenvolver com o tempo ou tornar-se aparentes repentinamente em alguns dias. Especialmente se for um momento estressante, como viajar ou celebrar vários dias consecutivos.

Os sintomas da doença de Addison são:

  • Vômito e diarreia canina
  • Letargia e depressão
  • Falta de apetite
  • Desidratação ou sede excessiva
  • Tremendo
  • Frequência cardíaca lenta

O cortisol ajuda a lidar com o estresse, o que significa que, em situações estressantes, você pode notar os sintomas do surto de Addison.

Vivendo com a doença de Addison

Entre a lista de problemas de saúde padrão do Poodle, o de Addison é o mais fácil de lidar. O tratamento envolve medicação oral todos os dias para ajudar na produção dos níveis normais de hormônios. Embora a doença de Addison seja incurável, seu cão pode levar uma vida plena e saudável com a medicação adequada.

Isso, é claro, tudo depende de receber o diagnóstico correto. Se o seu Poodle estiver agindo de forma estranha e apresentar algum dos sintomas acima, leve-o ao veterinário imediatamente para teste.

3. Problemas de tireoide

Infelizmente, os poodles também podem ter tendência a desenvolver problemas de tireoide em algum momento de suas vidas. Conforme seu cão envelhece, o número de preocupações com a saúde sempre aumenta. Os sistemas começam a falhar, certas deficiências de vitaminas ou nutrientes causam danos e eles não se recuperam das lesões tão rapidamente. Uma preocupação comum no envelhecimento dos Poodles vem da tireóide.

O hipotireoidismo e o hipertireoidismo são duas doenças que envolvem a diminuição ou o aumento da produção do hormônio tireoidiano, a tiroxina. A tiroxina é o que regula o metabolismo de um cão. Mas as glândulas tireóide também suportam o funcionamento adequado do coração, fígado, cérebro e rins.

O hipotireoidismo (a diminuição da produção de tiroxina) é a ameaça mais provável à saúde de um Poodle. Isso pode ser causado por um tumor ou quando o sistema imunológico ataca a tireóide.

Sintomas de hipotireoidismo

Conforme a tireoide começa a se deteriorar, uma lenta mudança se desenvolverá em seu cão. Seu comportamento mudará e sua capacidade de atividade física diminuirá. Ambos são sintomas de um cão envelhecido, o que torna difícil pegar o hipotireoidismo.

Em termos de mudanças comportamentais, você pode notar a mudança no seu Poodle das seguintes maneiras.

  • Tendências agressivas repentinas
  • Cabeça inclinada
  • Convulsões
  • Aumento da fadiga e cochilos
  • Menos interesse em brincar

Outros sintomas que podem indicar que seu cão está doente incluem:

  • Ganho de peso repentino
  • Perda de cabelo
  • Coceira (especialmente ao redor da orelha)
  • Infecções de ouvido
  • Feridas que não cicatrizam

Tratamento

Quer você tenha um brinquedo, uma miniatura ou um poodles padrão, todos os cães desta raça são suscetíveis a doenças. Tratar qualquer coisa relacionada a um desequilíbrio hormonal geralmente implica em medicamentos para o resto da vida. Para restaurar o equilíbrio da saúde do seu Poodle, ele precisa das quantidades adequadas de tiroxina para que seu metabolismo e outros órgãos funcionem. Esses suplementos hormonais podem vir na forma líquida ou mastigável e devem ser tomados uma vez por dia.

Se você suspeita que a tireóide do seu cão está com problemas, visite o seu veterinário local para confirmar o diagnóstico. Nunca ofereça suplementos hormonais sem a recomendação de um médico.

4. Displasia do quadril

O quadril de um cão opera em uma articulação esférica. Quando o encaixe está super ou subdesenvolvido, ou quando os ligamentos que os mantêm unidos estão fracos, a bola pode ser desalojada. Esse deslocamento e relocação constantes desgastam a integridade da articulação e causam displasia do quadril.

Poodles mais velhos são os mais insatisfeitos. No entanto, os filhotes podem desenvolver os primeiros sinais de displasia do quadril quando têm apenas cinco meses de idade. Esta raça de cão deve ser extremamente cuidadosa ao se exercitar ou participar de atividades extenuantes.

5 problemas de saúde mais comuns em poodle 3

Sintomas de displasia do quadril

Os pais de animais de estimação são rápidos em notar sinais de displasia de quadril por causa dos sinais óbvios de dor que freqüentemente surgem com esta e outras doenças ortopéticas. Se o seu cão está andando estranho ou hesita antes de entrar na brincadeira, pode ser por causa dos quadris. Aqui estão alguns sintomas da displasia precoce do quadril.

  • Pulando ou mancando de um lado
  • Lento para se levantar do chão
  • Usando apenas as pernas da frente para ficar de pé
  • Recusa em subir escadas ou caminhar morro acima

Tratamentos e Prevenção

Existem três fases de tratamento que um cão pode passar, dependendo da idade e da gravidade da displasia. Para cães mais jovens que ainda estão crescendo, descanso extra e atividade reduzida podem ser tudo o que é necessário para permitir o desenvolvimento adequado da articulação do quadril.

Assim que o cão ficar mais velho e parar de crescer, antiinflamatórios e analgésicos podem ser combinados com repouso na cama para ajudar a reduzir o desconforto. Finalmente, se tudo mais falhar, a cirurgia pode ser realizada para substituir o quadril. Este é o pior cenário possível e só deve ser considerado quando a dor prejudicar a qualidade de vida do seu cão. Entre em contato com o médico ortopedista veterinário em Santo André.

A displasia do quadril é principalmente genética nas misturas de Poodle, o que significa que, se ocorrer, não há quase nada que um dono de cachorro possa fazer para evitá-la. No entanto, se a displasia não for certa, existem medidas preventivas.

  • Mantenha o seu cão em forma e com o peso adequado em relação ao seu tamanho
  • Faça exercícios extenuantes até o Poodle atingir a idade adulta
  • Se o seu cão está crescendo mais rápido do que a média, reduza os exercícios ao mínimo e consulte o seu veterinário.

5. Epilepsia

As crises epilépticas em cães são tão chocantes para os caninos quanto para os humanos. Os cães muitas vezes parecem confusos ou em pânico com o que está acontecendo, e a visão de seu cão tendo uma convulsão pode ser assustador de se observar. Quando isso acontecer, você precisa manter a calma e se concentrar em ajudar seu cão.

O que fazer quando seu cachorro tem uma convulsão

Nunca coloque a mão perto da boca do seu cão quando ele estiver tendo uma convulsão. É um equívoco comum que, se você não fizer isso, o cão pode engolir a língua e sufocar. Isso não é verdade e já levou a muitas mordidas desnecessárias.

Se o seu cão tiver uma convulsão repentina, há algumas coisas que você pode fazer para ajudar.

  • Desligue todas as luzes brilhantes e ruídos altos
  • Afaste os objetos próximos do seu cachorro
  • Coloque um travesseiro suavemente sob sua cabeça
  • Verifique o tempo e observe quanto tempo dura a convulsão
  • Fique por perto e mantenha a calma

O que você precisa informar ao veterinário

Depois que a convulsão passa, seu cão ainda pode estar consciente e confuso. É importante permitir que seu cão se recupere alguns minutos antes de levá-lo ao veterinário. No entanto, se seu cão estiver inconsciente, chame o veterinário para relatar o que aconteceu. Eles farão algumas perguntas, portanto, certifique-se de observar o seguinte:

  • Quando a convulsão começou e quanto tempo durou
  • Frequência dessas convulsões
  • O que seu cachorro estava fazendo antes
  • Outros sintomas que ocorrem antes ou depois da convulsão, como:
    • Babando
    • Andando para frente e para trás
    • Membros rígidos
    • Comportamento confuso ou sem resposta
    • Olhando distraidamente

Dicas para manter seu poodle feliz e saudável

Com qualquer um desses problemas de saúde padrão do Poodle, a melhor coisa que você pode fazer para prevenir essas doenças é oferecer uma vida saudável e equilibrada.

  • Dieta – Procure marcas de qualidade que ofereçam superalimentos, como abóbora, batata doce e salmão. A saúde intestinal é um grande fator determinante na quebra e absorção de nutrientes vitais. Para obter um bioma intestinal saudável, encontre alimentos com fibras prebióticas. Mantenha o peso ideal do poodle.
  • Exercício – manter o seu cão em forma ajuda a impulsionar o sistema imunológico e os exercícios beneficiam os cães tanto mentalmente quanto fisicamente. Leve seu cachorro para passear todos os dias e permita que ele corra nos parques para cães nos finais de semana. Como fazer o cachorro engordar?
  • Visitas regulares ao veterinário – não perca seu check-up regular. Assim como ir ao dentista para os humanos, as visitas regulares ao veterinário podem garantir que seu cão está no caminho certo em termos de saúde.
  • Assistência Odontológica – Por falar em dentistas, a higiene dental pode ajudar a manter a boca do seu cão livre de bactérias. E isso tornará seu hálito muito mais suportável.
  • Vermes, carrapatos e pulgas – depois de um passeio, certifique-se sempre de verificar se há carrapatos e pulgas em seus cães. Para verificar se há vermes, procure manchas brancas em suas fezes.
  • Companheirismo – não se esqueça, os Poodles são criaturas sociais. Eles precisam de um tempo de carinho adequado e de uma verdadeira companhia. Quer sejam um Poodle de brinquedo ou um Poodle em miniatura, esta raça adora estar longe da família e anseia por companhia diária.

Ser proprietário de um Poodle

Poodles são cães incríveis. Eles são receptivos, brincalhões e fáceis de treinar. Fazer uma pesquisa rápida online pode mostrar o vasto repertório de truques que Poodles pode aprender. Eles são cães calmos para ter perto de crianças pequenas e outros animais de estimação, e não são conhecidos por serem territoriais.

Como a maioria dos cães, os Poodles têm problemas potenciais de saúde a serem considerados. Embora a maioria seja genética, o que significa que são inevitáveis, alguns dependem da saúde do cão. Para dar ao seu Poodle a melhor chance de uma vida feliz e saudável, certifique-se de fornecer a eles alimentos da mais alta qualidade de que precisam para se desenvolver.

Se o seu cão está enfrentando algum problema de saúde que torne o estômago sensível, considere os produtos com ingredientes limitados oferecidos. Isso dará à dieta do seu cão as proteínas e vitaminas adequadas de que precisam, ao mesmo tempo que não perturba a barriga.