Existem várias razões pelas quais você pode precisar lavar o seu cão. Além da limpeza e odor agradável a nós, humanos, tem outras razões importantes. Você pode descobrir que suas próprias alergias diminuem com banhos regulares no seu cachorro. Ele pode ter uma doença de pele que requer um shampoo medicamentoso como tratamento. 

Posso usar shampoo comum no meu cachorro? 1

Banho e tosa em Santo André

O melhor serviço de Banho e Tosa de Santo André é oferecido pela Uau Uau que Mia! Nosso serviço é executado por profissionais com experiência, capacitados para vários tipos de tosa, inclusive à tesoura. Trabalhamos somente com a melhor linha de shampoos e condicionadores para pets do mercado, Resultado de qualidade superior em serviços de pet shop, evitando irritações à pele, e ao mesmo tempo oferecendo um cuidado todo especial à pelagem.

Marque um horário para o seu banho e tosa conosco!

Shampoo de humano em cachorros

Atualmente existe uma enorme variedade de shampoos para cães, mas certamente um shampoo humano, ou mesmo sabão ou detergente para a loiça seriam tão bom para o meu cachorro? A resposta é Não.

Embora o shampoo humano limpe o pelo e ajude a remover a sujeira e o cheiro ruim, o uso de produtos humanos ou domésticos podem danificar a pele do cão e levar à doenças de pele, como alergias e outras irritações.

Como é a pele do cachorro

A camada externa da pele (epiderme) protege o corpo de organismos como bactérias, vírus e leveduras, que podem causar infecção se invadirem a pele. A epiderme é composta de várias camadas, a camada externa (estrato córneo) é coberta por um “manto ácido”. Este manto ácido pode ser danificado por produtos químicos com um nível de acidez diferente.

Quando consideramos a acidez – medida na escala de pH – a água é neutra e tem um pH de 7. Os ácidos têm um pH abaixo de 7 e as soluções alcalinas têm um pH acima de 7. As soluções ácidas e alcalinas podem causar queimaduras ou danos à pele, se aplicadas para superfícies com um pH muito diferente. 

O cão tem um pH da pele que tende a ser neutro ou levemente alcalino, em torno de 7 a 7,5, mas a pele humana tem um pH muito mais ácido, em torno de 5,2 a 5,5. Portanto, shampoo projetado para a pele humana, mesmo o shampoo de bebê será muito ácido para a pele dos cães e pode danificar a superfície da pele. Esse dano torna os cães propensos a infecções de pele.

A resposta é a mesmo sobre por que não se pode usar condicionador de humanos em cachorros.

Abaixo do manto ácido, encontra-se o estrato córneo. Esta é uma camada porosa que protege o restante da epiderme do ressecamento, além de eliminar todos os microorganismos e alérgenos perigosos. É constituído por camadas de células moribundas; no cão, possui 8 a 10 células de espessura na maior parte do corpo, metade da espessura do estrato córneo humano.

Caso você note sinais de alergias no seu pet, irritações na pele, pelos caindo ou coisas do gênero, marque uma consulta com nossos especialistas, agendando uma consulta veterinária.

O impacto do banho

O banho tira o manto ácido. Se o manto ácido for interrompido, o estrato córneo fica desprotegido. À medida que seca, a pele fica vermelha, irritada, escamosa e seca, causando prurido, erupções cutâneas e infecções. Os shampoos humanos geralmente contêm hidratantes para substituir a camada protetora que é lavada, mas como o pH ácido interrompe o manto ácido e seca o estrato córneo do cão, eles não serão absorvidos pela pele canina e, portanto, não previnem os danos. e infecção subsequente que pode ocorrer.

As infecções de pele podem fazer com que os cães cheiram, mas a lavagem repetida pode piorar, pois há um aumento nas perturbações nas camadas protetoras da pele. Neste e na maioria dos casos, os shampoos devem ser cuidadosamente escolhidos para proteger a pele, com um pH em torno de 7.

Os hidratantes que podem ser absorvidos pela pele canina são importantes e as cores ou fragrâncias artificiais devem ser minimizadas. Somente a água pode ser usada para banhar os cães que têm detritos em sua pelagem.

Alergias de pele em cachorros

Cães com alergias demonstraram ter uma estrutura cutânea alterada, o que os torna propensos a danos à pele. A escolha do shampoo é especialmente importante na manutenção dos níveis de hidratação e ácidos graxos nesses cães. 

Se um cão produz muito óleo como resultado da lesão da pele, por shampoo ou outros insultos, a pele fica espessa e oleosa e menos eficaz na prevenção de infecções. Por esse motivo, e pelo fato de a epiderme proteger a pele dos danos causados ​​pela luz UV, danos com shampoos inapropriados podem levar a doenças graves da pele, como dermatite.

Embora o shampoo para cães possa ser caro e parecer extravagante, ele realmente evita danos à pele e doenças de pele! Se seu cão parece precisar de lavagens ou banhos muito regulares, é incomumente fedorento ou tem pele vermelha, inflamada, dolorida ou com coceira, procure orientação veterinária – infecções de pele e outras condições são muito mais fáceis de controlar se diagnosticadas e tratadas.

Leia sobre a origem das alergias em cachorros e os sintomas, tratamentos das alergias caninas.

Os shampoos para cachorro não são todos iguais

É importante adequar o shampoo e condicionador escolhidos ao tipo de pelo do animal. As variações, que incluem opções para pelos curtos, longos, claros, escuros, com tendência à oleosidade ou mais ressecados, pode até parecer exagero de uma geração que inseriu os pets como membros da família, mas não é. Utilizar shampoo e condicionador direcionados ajuda a prevenir alguns problemas.

Pelos longos, por exemplo, tendem a embaraçar com maior facilidade e ficarem quebradiços. Algumas raças possuem pelagem mais oleosa e, o produto adequado pode ajudar a reduzir essa possibilidade. Pelos escuros perdem o brilho com mais facilidade e, os claros, podem manchar. E, assim como nos humanos, a pele dos bebês caninos também são mais sensíveis e precisam de formulações especiais.