Quando o assunto é diminuir a exaltação ou comportamento intenso do seu pet, a cirurgia de castração de cães em Santo André é um dos primeiros métodos pensados por muitos donos. No entanto ainda há quem é contra esse procedimento cirúrgico.

A castração não é uma cirurgia veterinária invasiva aos animais que tem como único objetivo a diminuição do entusiasmo e atração durante o cio. Isso porque, além desses fatores, favorece à saúde. Consulte o seu médico veterinário para saber das opções de convênios veterinários que cobrem a cirurgia de esterilização.

Como qualquer outra, essa operação depende de exames pré-operatórios e cuidados pós-operatórios. Portanto, se você pensa em castrar o seu bicho de estimação, é importante conhecer tudo sobre esse método, e seus devidos cuidados. Continue lendo este artigo e defina o que é melhor ao seu pet.

Veterinária em Santo André, SP

Médica veterinária em Santo André, SP

Se a avaliação veterinária do seu cachorro não está em dia ou você tem dúvida sobre a saúde do seu cachorro já que ele parece muito ofegante, fale conosco!

Trabalhamos com especialistas em Endocrinologia, Oftalmologia, Oncologia veterinária. Atendemos todas as cidades da região metropolitana de São Paulo, nosso horário é flexível, das 9h às 21h durante a semana e das 9h às 17 aos sábados!

Fale conosco para marcar uma consulta

O que é castração de cachorro

A castração de cachorro é uma cirurgia, de 20 a 40 minutos, que consiste na retirada dos testículos da bolsa escrotal, do macho, ou dos ovários e útero, da fêmea. Esse procedimento cirúrgico é visado pelos donos quando seu animal de estimação entra no cio ou mesmo tem um temperamento difícil.

Dessa forma, por recomendação, o cão é castrado antes da puberdade. Essa que acontece no período entre 7 e 10, do cão. Contudo, isso varia de acordo com o gênero e porte do animal. Visto que de acordo com esses fatores, o desenvolvimento corporal é diferente.

Embora seja possível prever quando seu pet entrará no cio, é necessário consultar um médico veterinário. Apenas o profissional será capaz de definir corretamente o período ideal para realizar o procedimento em cães.

Além disso, antes da operação serão precisos alguns cuidados e exames. De modo que será pedido:

  • Exames para análise corporal do animal, verificando se há infecções ou doenças que impeçam a cirurgia;
  • Não oferecer comida ao cão 12 horas antes do procedimento, e água 6 horas antes, pois pode causar ânsia e vômito;
  • Possível corte ou redução de algum medicamento contínuo;
  • Levar colar elizabetano, mais conhecido como cone pós-cirúrgico e um cobertor.

Caso não queira colocar o cone pós-cirúrgico em seu animal, você pode optar pelas roupas cirúrgicas. O essencial é evitar que seu pet tenha acesso à ferida.

Benefícios da castração

Castrar o seu cachorro é importante não apenas ao controle do humor e comportamento. Mas também por garantir: melhoria do bem-estar, aumento da expectativa de vida, controle populacional, interrupção da menstruação e prevenção da gravidez psicológica e outras doenças.

Doenças, como câncer de próstata, tumor de mama e problemas na bexiga, podem ser evitados com a castração. Isso porque há a retirada de órgãos que poderiam ser afetados. Além disso, esse método evita a gravidez psicológica canina que acontece devido às oscilações dos hormônios da fêmea que possibilitam o surgimento de indícios clínicos e comportamentais de gravidez.

Outra gravidez a ser prevenida é a real. Apesar dessa ideia parecer ruim, é importante o controle populacional, pois muitos filhotes são indesejados pelos donos e abandonados. De forma que há o aumento do aparecimento de animais de rua.

Entenda tudo sobre a Castração de cachorros - São Paulo 1

Malefícios da castração

A questão das vantagens da castração é conhecida por muitas pessoas. Por outro lado, suas desvantagens desconhecidas ou mesmo inexploradas pelos donos.

Logo, de maneira a evitar a escolha precoce apenas baseada nos benefícios, é fundamental conhecer os malefícios. Esses que variam desde propensão a dois cânceres (osteossarcoma e hemangiossarcoma), ganho de peso e complicações cirúrgicas.

Se isso te deixa assustado, não se preocupe. Os cuidados pré e pós-operatórios procuram diminuir ao máximo os riscos voltados ao seu animal. Siga os aconselhamentos médicos e esse procedimento se mostrará eficaz ao seu pet.

Pós cirurgia da castração em cachorros

Como visto, ao mesmo passo que os cuidados pré-operatórios são primordiais ao procedimento, os após a cirurgia prometem garantir uma boa recuperação e qualidade de vida ao seu cão.

Sendo assim, após a castração, seu animal precisará de descanso, alimentação e carinho e atenção. Visto que principalmente algumas horas pós-procedimento ele estará cansado e desanimado, devido aos efeitos da anestesia e do soro. Dessa maneira, é sugerido:

  • Arrumar o cantinho do seu pet, mantendo confortável com algum cobertor ou manta;
  • Dispor água e comida;
  • Deixar seu animal de estimação descansando;
  • Colocar cone pós-cirúrgico;
  • Seguir as recomendações do médico veterinário.

De acordo com os aconselhamentos clínicos, será preciso medicar o seu cachorro para uma boa cicatrização e diminuição da dor. Além disso, você deverá limpar a ferida e trocar os curativos, 2 vezes ao dia.

Um mito muito escutado pelos donos que rejeitam a castração é que esse método engorda o bicho de estimação. No entanto a verdade é que talvez seu cachorro ganhe peso, pois sentirá mais fome. Logo dependerá de você oferecer uma alimentação balanceada e estimular a prática de atividades físicas e brincadeiras.

Para a prática de exercícios e brincadeiras, espere até o retorno ao hospital veterinário. Pois o profissional irá avaliar as condições do seu pet e, caso possível, retirará os pontos. Dando assim novas recomendações e permitindo que seu animal volte à ativa.

Dúvidas sobre Castração de cachorros

A dúvida mais frequente sobre a castração é se o pet irá engordar após a castração. De fato, a remoção de órgãos que possuem hormônios torna o metabolismo mais lento. Entretanto, não se deve associar a castração ao fato de aumento no peso dos pets e sim ao fato deles se tornarem mais caseiros.

Outra questão que gera questionamento por parte dos tutores é a alimentação dos animais castrados. É importante lembrar aos tutores dos pets castrados devem se consumir alimentos específicos para sua nova condição.

As rações para cães castrados possuem um teor mais baixo de gordura, colaborando com a manutenção do peso do animal, característica necessária para manter o pet no peso ideal.

Riscos na castração de cães

A castração é realizada com o auxílio de anestesia geral e soro. Sendo um procedimento cirúrgico simples e rápido que tem sua demora devido ao tempo da anestesia.

Os riscos na castração existem, pois alguns animais respondem de forma diferente à anestesia e à cirurgia. Outras complicações são voltadas ao mito da obesidade e aos descuidos pré ou pós-operatórios. Além disso, pets mais velhos são propensos aos problemas cirúrgicos, pois seus metabolismos e sistemas são mais fracos e lentos. Contudo, devem ser feitos exames para saber como anda a saúde do pet antes de realizar o processo.