Conseguir que um felino faça qualquer coisa de má vontade é um desafio que poucos donos esperam. Aqui está um guia sobre como dar uma pílula a um gato, minimizando o estresse para você e seu gato.
Dar uma pílula a um gato é uma daquelas tarefas que os donos de gatos mantêm os dedos cruzados que não terão que fazer com muita frequência.

Mas, infelizmente, há momentos em que você precisa dar a eles medicamentos importantes. Não é tão fácil quanto parece: há garras e dentes que você precisa evitar, e os gatos são especialistas em cuspir pílulas.

Antes de chegarmos às nossas dicas sobre como dar uma pílula a um gato, a primeira coisa que você deve fazer é verificar com seu veterinário se há alguma restrição sobre como a medicação deve ser administrada. Certas pílulas podem ser misturadas com alimentos, enquanto outras não.

Algumas pílulas podem ser esmagadas ou divididas, mas outras não, pois isso pode danificar o esôfago ou o estômago do seu gato. Isso ocorre porque o medicamento não estará mais protegido pelo revestimento externo da pílula. Saber esta informação pode ajudá-lo a decidir sobre a melhor forma de dar o comprimido ao seu gato.

Depois de estabelecer o que você pode e não pode fazer com a medicação do seu gato, existem alguns métodos para superar essas defesas felinas e dar a pílula ao seu gato.

Como dar pílula ou cápsula para gato? 2

Como dar um comprimido a um gato

Aqui está um guia passo a passo para administrar medicamentos ao seu gato manualmente.

  1. Tente abordar a tarefa com calma, com o objetivo de minimizar o estresse do seu gato. Se você nunca deu uma pílula antes, é muito útil pedir a um veterinário ou enfermeira veterinária para lhe mostrar como administrar medicação oral com segurança. Não se ponha em risco de ser mordido e observe atentamente o seu gato em busca de sinais de que ele está ficando com raiva ou angustiado.
  2. Coloque seu gato em uma superfície plana e estável, como o chão ou uma mesa. Pode ser útil colocar uma toalha para impedir que escorreguem.
  3. Para dar a pílula, isso será mais fácil por trás ou ao lado do seu gato. No entanto, evite pegar seu gato de surpresa, pois isso vai assustá-lo e pode resultar em um arranhão ou beliscão defensivo.
  4. Ter um segundo par de mãos pode ser muito útil, mas não é essencial. Você quer que seu gato fique de costas para você, pois isso tornará mais fácil conter as pernas ou qualquer outro movimento que ele possa usar para tentar escapar do seu alcance. Você pode achar útil segurá-los firmemente contra seu corpo para evitar que eles se invertam.
  5. Pegue a pílula em uma mão e, com a outra mão, segure suavemente o topo da cabeça com o polegar e os dedos indicadores de cada lado da mandíbula e incline a cabeça do gato para cima. Use a outra mão para abrir suavemente a mandíbula inferior para abrir a boca.
  6. Use o dedo indicador para colocar a pílula no meio da língua, o mais para trás possível.
  7. Feche a boca do seu gato, esfregue suavemente a garganta por alguns segundos e depois retorne a cabeça para a posição normal e espere que ele lamba os lábios enquanto engole.
  8. Quando achar que seu gato engoliu, verifique a boca e o canto dos lábios se ele deixar. Se você não consegue identificar a pílula, pode estar razoavelmente confiante de que foi bem-sucedido.
  9. Se você perceber que ele não engoliu, apenas tente colocá-lo na parte de trás da língua novamente, feche a boca e esfregue suavemente a garganta. Você pode esguichar uma quantidade muito pequena de água na boca para incentivá-los a engolir o comprimido, mas não muito, pois isso pode causar engasgos. Em alguns casos, é melhor deixá-los cuspir completamente e iniciar o processo novamente.
  10. O passo final é tratar o seu gato com a sua comida e brinquedos favoritos depois de ter ingerido a medicação. Isso ajuda a desenvolver uma associação positiva entre receber a medicação e receber uma guloseima, e pode ajudar a tornar o processo um pouco mais fácil no futuro.
Como dar pílula ou cápsula para gato? 3

Veterinária especialista em gatos

Nós contamos com nosso time de veterinários que êm grande experiência no atendimento e tratamento de gatos. A Clínica Veterinária UAU UAU QUE MIA atende tutores de toda a região metropolitana de São Paulo. Veja nossa especialidade e entre em contato.

Dicas de segurança ao dar um comprimido a um gato

  • Se o seu gato se coçar ou não gostar de ser segurado, tente envolver o corpo e as pernas em uma toalha, deixando apenas a cabeça exposta.
  • Sempre segure por cima da cabeça para reduzir o risco de ser mordido.
  • Se o seu gato for particularmente indisciplinado, peça a outra pessoa para segurá-lo enquanto você administra a pílula.
  • Se você ou seu gato estão ficando estressados, pare e dê-lhes algumas guloseimas e acaricie-os suavemente e acalme-os antes de tentar novamente.
  • Se for mordido pelo seu gato, contacte o seu médico de família para aconselhamento. Os dentes do gato abrigam bactérias desagradáveis ​​que podem causar uma infecção.
  • Gato comendo comida de uma tigela branca
  • Quando você ganha um novo gato ou gatinho, você pode tentar treinar com guloseimas para acostumá-los a ter a boca aberta suavemente. Manter o treinamento regular dessa maneira pode ajudar a reduzir o estresse se eles precisarem de comprimidos mais tarde na vida.