O câncer está entre as doenças mais mortais em nossa sociedade moderna. É uma doença comum em humanos, mas é o mesmo com nossos amados cães?

Então, neste post, queremos saber: “Os cães podem ter câncer?” Em caso afirmativo, “O câncer de cachorro é como o câncer humano?”

Recebemos tutores de todo estado de São Paulo em nossa clínica veterinária para tratamento de câncer em cachorros.

Vamos dar uma olhada mais profunda nas respostas a essas perguntas.

Cães podem ter câncer?

Infelizmente, a resposta é sim.

As estatísticas mostram que cerca de um em cada quatro cães desenvolve câncer. De todos os cães que têm câncer, quase metade deles morrerá quando atingirem 10 anos de idade.

Alguns dos tipos mais comuns de câncer em cães incluem linfoma maligno, tumores de mastócitos, tumores de glândula mamária (ou mais conhecido como câncer de mama), câncer ósseo e sarcomas de tecidos moles.

Felizmente, os cânceres de cães são curáveis, especialmente quando são detectados e gerenciados no estágio inicial. A taxa de cura para cães com câncer é de cerca de 60%.

Cães podem ter câncer?

Assim, é importante estar familiarizado com os primeiros sinais de câncer em cães. Estes podem incluir:

  • Protuberâncias
  • Feridas que não cicatrizam
  • Linfonodos aumentados
  • Sangramento anormal
  • Inchaço de qualquer parte do corpo

Estes são sinais clássicos de câncer em cães. No entanto, às vezes, o câncer se desenvolve sem demarcações óbvias. Portanto, sempre que seu cão parecer doente, é melhor levá-lo ao veterinário para um check-up.

Cães podem ter câncer?

O câncer do cão é o mesmo que o câncer humano?

Existem semelhanças entre o câncer específico do cão e o câncer humano. Os cânceres em ambas as espécies apresentam os mesmos sinais e sintomas.

Entre os vários tipos de câncer, talvez seja o linfoma de células B que parece semelhante em cães e humanos.

Cães podem ter câncer?

Um estudo foi realizado por um grupo de cientistas da Duke University, da Faculdade de Medicina Veterinária da Universidade Estadual da Carolina do Norte e da Escola de Medicina da Universidade da Carolina do Norte. Eles visam examinar as semelhanças moleculares do linfoma de células B. Seu estudo foi publicado em junho de 2013.

O estudo revela que “os cães de estimação têm câncer da mesma forma que os humanos”. O linfoma de células B é uma forma comum de câncer e, portanto, é um bom assunto para pesquisa.

O estudo afirma ainda que cães e humanos desenvolvem linfoma espontaneamente e não é criado geneticamente. Por causa das semelhanças impressionantes, muitos pesquisadores estão estudando cães para aprender mais sobre a doença e na esperança de encontrar uma cura e modalidades de manejo mais eficientes.

Cães podem ter câncer?

Mantendo seu cão saudável

Os cânceres são algumas daquelas doenças que parecem inevitavelmente afetar nossas vidas. Eles matam não apenas humanos, mas também cães.

Um estilo de vida saudável é fortemente encorajado para ajudar seu cão a evitar o desenvolvimento de câncer. Alimente-o com alimentos balanceados e nutritivos, faça exercícios diários, mantenha uma boa higiene bucal e faça exames de rotina. Estas são apenas algumas das melhores coisas que você pode fazer para prevenir o câncer.

Alguns especialistas também defendem a esterilização e a castração. Esses procedimentos cirúrgicos diminuem drasticamente o câncer de mama em cadelas e o câncer de testículo em cães machos.

Se você precisar saber mais sobre cânceres de cães, seria melhor falar com seu veterinário. Faça sua própria pesquisa também e você deve ter um melhor conhecimento de como cuidar de seu cão.

Tratamento de câncer